Quinta-feira, 30 de Agosto de 2007
A noite e o dia a seguir !

A noite e o dia a seguir!

- Quem está aí? - perguntou Draco apontando a varinha para todos os lados possíveis.

- Calma, senhor... - disse uma voz não muito natural.

Hermione afastou-se um pouco de Draco e simplesmente dava-lhe a mão, também mantendo a varinha erguida.

- Quem és?

E com a aproximação, deu para ver que eram dois elfos.

- Dobby? - perguntou admirada Hermione. - O que fazes aqui?

- Menina, Dobby e Link não querer assustar vocês... Malfoy senhor! - disse o elfo que tinha servido já a família Malfoy.

- O que fazem vocês aqui? Pregaram-nos cá um susto... e que risos eram aqueles?

- Link explicar... Link e Dobby ouvir professora dizer ao professor que os chefes de turma vinham aqui arranjar plantas para professora Sprout. Link e Dobby querer ajudar.

- Mas...

- Menina, Dobby e Link apanhar muitas plantas para ajudar vocês. Ser muito perigoso estar aqui à noite sozinhos... - disse Dobby. Hermione ficou comovida.

- Mas e os risos? - perguntou Draco pensativo.

- Os risos, senhor... os risos foram porque Link se picar ao apanhar plantas. Link mostrar para si... - disse Dobby e fez sinal ao outro elfo para que mostrasse.

Quando ele mostrou as mãos, Hermione ficou espantada e preocupada.

- Temos de tratar disso...

- Não... não ter. Link tratar sozinho.

- Menina e senhor, Dobby e Link assustar vocês?

- Com os risos? E não foi pouco... - disse Draco.

- Dobby vai passar as mãos a ferro... para castigar-se.

- Não, não é preciso Dobby... - disse Draco.

- Link também...

- Não! Isso não - disse Hermione.

- Agora, nós ter de ir embora há baile em Hogwarts...Dobby e Link ajudar na cozinha. As plantas estarem ali.

E num estalar de dedos, os elfos desapareceram.

- Bem, mas que susto! - disse Hermione, guardando a varinha.

- Não exageres! - disse ele para dar um ar de corajoso.

Para relaxarem, sentaram-se debaixo duma árvore. Hermione olhava para Draco com ternura, tudo o que mais queria era abraçá-lo e beijá-lo. Eles trocavam olhares.

- Tenho frio... - disse Hermione que estava encostada à árvore, quase a dormir.

Draco pôs-lhe o casaco por cima e fez-a encostar ao ombro dele.

Depois de minutos de silêncio, Draco disse:

- E se fôssemos embora?

Como via que a rapariga não lhe respondia, espreitou e reparou que ela dormia. Passou-lhe a mão nos cabelos ondulados castanhos e na pele suave. 'Não posso estar apaixonado...'

Ele acabou por adormecer também.

Hermione acordou com uns raios de sol que entraram por entre as árvores.

- Boa! - disse. - Adormecemos na floresta. - olhou em redor. - Draco... acorda! - 'chamei-lhe Draco...', depois sorriu.

- Diz!

- Temos de ir... estamos no meio da floresta... e já é de manhã... - disse ela.

Draco abriu totalmente os olhos e levantou-se repentinamente.

- Txiii... adormeci...

- Também eu...

- Eu sei... adormeceste primeiro que eu... estive a ver-te dormir. - quando disse essa frase, sentiu-se estúpido.

Hermione corou.

- As plantas! - relembrou ela, tentando desviar o assunto.

Caminharam em direcção a Hogwarts...

- E se as plantas ficassem na cabana do Hagrid?

- Pode ser...

Deixaram ficar as plantas na cabana de Hagrid e seguiram caminho para Hogwarts. Foram directamente para o salão principal. Hermione foi ter com os amigos.

- E então? Como foi o castigo?

Hermione contou o sucedido, desde os elfos até a ter dormido na floresta.

- Dormiste com o Malfoy? - perguntou Ron enjoado.

- Devias estar mais preocupado com o facto de eu ter dormido na floresta do que eu ter dormido com o Malfoy... - disse dando uma golada no sumo de abóbora. - E o baile como foi?

- Foi fantástico...

- O Neville tá um bocado triste...

- Porquê? Nevil...

- Shhhh!

- É que a minha irmã deu-lhe uma barra... não foi ao baile com ele.

Hermione torceu o nariz... como modo de dizer "coitado".

- Ainda não deves saber da novidade...

- Qual? - perguntou entusiasmada.

- No próximo fim de semana vamos a Hogsmead.

- Hummm... óptimo!

- Não ficas contente?

- Não... porque haveria de ficar? - ao dizer isto olhou para a mesa dos Slytherin e via Draco muito feliz a conversar com Crabbe, Goyle e Pansy. - Gr...

- O que foi, Hermione?

- Nada! Vou para o meu quarto... - e saíu do salão principal, deixando todos a olhar para ela, inclusivé Draco.

- Vamos ter com ela, Ginny? -perguntou Elke.

- Vamos... ela tá a precisar de nós.

Na mesa dos Slytherin Pansy falava com Draco:

- Oh fofinho... como foi a tua noite?

- Muito boa! - disse e sentiu-se novamente estúpido. Ele tinha estado uma noite com uma sangue de lama, como podia qualificá-la?

- Muito boa? Como? Passaste com aquela...

- Granger, Pansy! O nome dela é Granger...

- Andas muito defensor...

Hermione enfiou-se no quarto a ler... e só depois é que ouviu a porta e foi abrir.

- Esqueci-me de alguma coisa? - perguntou inocentemente Hermione. - Entrem...

- Não, Hermione... não te esqueceste! Tás sozinha?

- Se queres saber se tá cá o Draco não não tá! Ele tava com aquela cobra nojenta...

- txiiii... isso o que é, Hermione?

- Verdades... ele é mau e cruel... mas...

- Deixa qualquer uma louca... isso todas sabemos! - disse Elke. - e mal o conheço! Se gostas dele... acho que devias de lutar e confrontá-lo.

- Não posso... ele é o inimigo do Harry e do Ron! - justificou. - E se eu estiver mesmo a ficar apaixonada por ele? NÃO, EU NÃO POSSO ESTAR APAIXONADA PELO...

E nesse momento entrou Draco.

- Uuu... a Granger apaixonada!

- E pela pessoa errada! - disse ela.

- Bem... eu acho que nós vamos indo... - disse Ginny puxando Elke.

Saíram deixando Hermione naquele estado... elas achavam que era a melhor altura para ela dizer tudo.

- Quem é ele, Granger?

- Não... não é! ou melhor... não pode!

Draco aproximou-se dela, olhando-a profundamente nos olhos.

- Tens a certeza?

Passou-lhe a mão na cara.

- N... não. Eu gosto... mas não posso...

- Não podemos? - disse Draco dando a entender que sabia quem era esse tal.

- Não. - disse friamente a Gryffindor.

Draco sorriu e beijou-a com um beijo cheio de paixão, desejo, amor... sei lá... nem há palavras para aquele beijo! Foi um momento único para ambos. Foi um beijo longo e apaixonado.

Continuando a beijarem-se sentaram-se no sofá.

- Porquê que não fizeste isto mais cedo? - perguntou Hermione a Draco assim que o beijo terminou.

- Precisava de ter a certeza do que sentia...

- Já tens?

- Bastou-me a noite de ontem.

Hermione sorriu e abraçou-o. O momento que ela esperava tinha acontecido.

_____________________x________________________x_______________

Em primeiro lugar , quero agradecer aos comentarios q tem sido fabulosos. Vou ja passar nos vossos :)

Aqui tem mais capitulo de Dhr :D

So faltam mais 4, depois regresso com os meus textos normais..

Beijinhos (x *


música: Pimentas do Reino - Pensando em você

publicado por Sara Mendes às 11:24
link do post | Opinar :'D | favorito

4 comentários:
De Daniela a 30 de Agosto de 2007 às 22:53
a historia tá mto gira, e tb kero ver esses textos normais, beijinho...***


De cázinha :] a 31 de Agosto de 2007 às 11:01
Olá! adoro o tu blog, mas adorei principalmente o post "A noite e o dia a seguir" Adorei mesmo, está lindo! claro que eu, tal como quase toda a gente , quero ver o Ron e a Hermione juntos, mas esta versão de A hermione com o draco é linda.... O draco já não parece nenhum monstro, pelo contrário, tá muito querido... derreti-me toda a ler a história, e então a parte do fim, do beijo... foi fantástica.... escreves muito bem, muito bem mesmo, continua assim. Eu sou super fã do harry Potter e tal como já te disse, ADORO o teu blog. Visita o meu, se quiseres: http://hermionezita.blogs.sapo.pt
Bjs*


De burbuletizis a 31 de Agosto de 2007 às 12:13
como eu sou viciada nesta hitstoria q está cada vez melhor :O *
ai rapariga, esse jeito para escrever mata-me =b .. mas falando a serio, ADORO o q escreves! :)
ahah, o nosso crepe espera por nós :D e temos d tirar fotos juntas ok? :D
bzinhooo*


De julia a 16 de Junho de 2008 às 23:14
oi td bein? pode me dizer que livro é esse do harry potter??
brigadaa!
bjus


Comentar post

.mais sobre mim
.Relógio


.Calendário


.Mensagens :)
.posts recentes

. 100 verdades

. Não é um Adeus, mas um At...

. Madrid <3

. Q grande seca!

. HELLO. :D

. Sem ti

. É amor. É paixão.

. Keep going on :)

. Essências :D <3

. mais unidos ? <3

.arquivos

. Dezembro 2010

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.Um pouco mais de mim

Nome: Sara
Apelido: Mendes
Idade: 16
Signo: Touro
Cidade: Porto
Passatempo: Ver tv, ler e escrever
Gosta de: MANUEL MARTINS, Harry Potter, Amigos, Escrever, Ler, Namorar, Bloggar :D
Não gosta de: Mentira, inveja, falsidade e de pessoas egocentricas.
Curiosidades: Sou uma pessoa simples :)

Perfil gerado no VICKYS.com.br

.pesquisar
 
.subscrever feeds