Sexta-feira, 9 de Maio de 2008
É amor. É paixão.

Quero-te dar a mão e fazer-te chorar. Chorar de felicidade.

Quero que me murmures ao ouvido palavras sem sentido.

Palavras que me façam igualmente chorar de felicidade. Palavras cujo significado só nós conhecemos.

E quem passa, não sente o que sentimos. Não pensa no que pensamos. Não vive como nós vivemos. Ninguém percebe a nossa felicidade.

Quero-te dar a mão e ver-te sorrir. Sorrir por estares comigo. Não precisamos de ninguém, somos realmente felizes.

Vem descobrir o mundo e novos horizontes comigo, meu amor.

Vamos mostrar que o amor eterno existe. Vamos mostrar que somos a prova dele.

Vem comigo, dando-me a mão porque esse é o gesto mais delicado que existe.

 

Dá-ma e aproxima-te de mim.

Deixa-me apertar com força, mas ao mesmo tempo com delicadeza a tua mão. Quero que sintas isto, porque isto significa a intensidade do meu amor por ti.

As palavras deixaram de ser originais para te dizer.

Troco-as por um simples olhar que só tu conheces. Só tu correspondes.

Conheces-me tão bem. E, por isso, sabes tão bem aquilo que eu estou a sentir. É amor. É paixão.

 



publicado por Sara Mendes às 21:06
link do post | favorito

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



.mais sobre mim
.posts recentes

. 100 verdades

. Não é um Adeus, mas um At...

. Madrid <3

. Q grande seca!

. HELLO. :D

. Sem ti

. É amor. É paixão.

. Keep going on :)

. Essências :D <3

. mais unidos ? <3

.arquivos

. Dezembro 2010

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.pesquisar
 
.subscrever feeds